A final do BPSS, segundo a segundo

IMG 0555
Viseu acolheu mais uma final do desafio BP Segurança ao Segundo – o concurso que coloca estudantes de todo o país a criar vídeos que partilham a mensagem de segurança rodoviária. A vitória foi para a equipa vinda do Monte da Caparica.

IMG 0461
Ao longo do dia, cinco grupos de estudantes foram cruzando o campus do Politécnico de Viseu, munidos de equipamento profissional de vídeo. O objetivo era simples e assume-se como o desafio BP Segurança ao Segundo: gravar e editar um vídeo de sensibilização para cada uma das principais causas de morte nas estradas (ver caixa).
No seu trabalho, a equipa Think.it, vinda da Escola Secundária Cacilhas-Tejo, decidiu falar a linguagem das comunicações móveis. Depois de uma selfie, o último filtro tem apenas uma inscrição – “morte” – acompanhada do som de um acidente. Segue-se uma mensagem: “és tu quem escolhe o filtro da tua história”. “Quisemos fazer algo simples, direto e atual”, conclui Rafael Semedo, de 19 anos.
Noutro ponto do campus, a equipa New Team, da Escola Secundária D. Dinis, em Lisboa, foca-se na utilização do cinto de segurança. Para tal, revela Rodrigo Fernandes, de 17 anos, utiliza “uma metáfora ou associação com desportos de luta”. Às imagens de um pugilista, um judoca e um militar, preparando-se para o combate, segue-se alguém que coloca o cinto de segurança. “Não é por sermos corajosos que devemos evitar usar o cinto de segurança”, sublinha o estudante.

IMG 0493
Outra das equipas do concurso é a Equipa Cone Laranja, vinda de Pombal, que centrou o seu trabalho no consumo de álcool. A história acompanha três amigos que, numa discoteca, pedem rodadas de shots. Depois de um plano com o som de um acidente, surge a mensagem: “A vida… Não podes mandar vir mais uma”. “É esta a frase que queremos que fique na cabeça das pessoas”, explica o estudante Henrique Gameiro.
É com recurso a Legos que os seis estudantes da EPED, do Monte da Caparica, trabalha o tema do excesso de velocidade. A história mostra que o a sinistralidade rodoviária é a principal causa de morte. “Quisemos sensibilizar para o facto de, embora possa não parecer, este ser o factor mais perigoso”, reforça Diogo.
Por fim, a personagem da equipa “Tarantinos”, da Escola Secundária de Marco de Canaveses, joga computador durante muitas horas, antes de pegar num carro, visivelmente cansado e ter um acidente. A inscrição que se segue – “Game Over” – pretende “fazer uma ligação ao gaming, um tema próximo dos jovens”, explica uma das participantes.

IMG 0633
A gravação e edição dos vídeos estendeu-se pela tarde e noite do dia 10 de maio, com o grande vencedor da final do BP Segurança ao Segundo a ser conhecido no dia seguinte. Durante a sessão, a Diretora da Comunicação da BP, Anabela SIlva, destacou o papel dos participantes enquanto embaixadores da mensagem de segurança rodoviária, elogiando a qualidade dos trabalhos.
A equipa “Os Acidentados” acabaria por se sagrar vencedora, recebendo agora bilhetes para o Rock in Rio. Os spots gravados e editados serão transmitidos na RTP e nos ecrãs do Rock in Rio, no intervalo dos concertos.

Artigo lido 9 vezes